back_homepage_Prancheta 1.jpg

ELENCO DO PROJETO:

DireTORA E COREÓGRAFA: Eva Schul

Nascida em 1948, na província italiana de Cremona, em um campo de refugiados no pós-guerra, Eva Schul mudou-se com os pais para Porto Alegre ainda criança. Foi uma das mulheres que reinventou a dança moderna e contemporânea e é, também, referência no Brasil.

Em 1956, Eva iniciou sua formação em ballet clássico na escola de Maria Júlia da Rocha, uma paixão que a levou, em 1964, para estagiar no corpo de baile do New York City Ballet. De volta à Capital gaúcha, continuou os estudos com Tony Petzhold e formou-se, em 1963, na Escola de Artes Landes. A dança moderna entrou para sempre em sua vida após participar do 1° Congresso da Dança Clássica do Brasil, em Curitiba. A inquietação a levou para o Uruguai, a fim de estudar com Elsa Vallarino e Hebe Rosa, e Argentina, com Renate Schottelius e Ana Itelmann.

Em 1975, retornou a Nova York para aprofundar os conhecimentos no sistema Laban/Bartenieff e com os norte-americanos Alwin Nikolais, Hanya Holm, Martha Graham e Merce Cunningham. Mais uma vez em casa, criou o grupo MuDanças e trabalhos, como: “Um Berro Gaúcho” (1977), Metamorfose (1978) e Alice (1979). Ainda em 1978, foi convidada como preparadora corporal do elenco de “Os Saltimbancos” e, no ano seguinte, para uma oficina Dança Moderna para o Balé Teatro Guaíra.

Com importante passagem na área de gestão, Eva contribuiu para a criação dos cursos superiores de Dança e Teatro na Pontifícia Universidade Católica do Paraná e foi diretora de dança do Instituto Estadual de Artes Cênicas da Secretaria de Estado da Cultura. Entre suas principais criações, as coreografias “Ecos do Silêncio”, “Joplin Blues”, “Hall of Mirrors”, “Tiro Liro Livre”, “Canção da Experiência” e “Acuados”, um espetáculo criado para celebrar os 25 anos da @anima_cia_de_danca e homenagear os dez anos da Lei Maria da Penha.

Agora, à frente do projeto “Levanta, sacode a poeira, dá a volta por cima”, Eva reúne quase 30 bailarinos para criar a partir de provocações, um jogo de palavras que tem como fim a RESILIÊNCIA.